Tecido para cortinas

As cortinas são um acessórios essenciais para complementar e dar um toque final de estilo na decoração da casa. É preciso escolher muito bem essa peça para que ela harmonize com o restante do ambiente. Além de decorativas, as cortinas são também objetos muito funcionais: Elas protegem os móveis do sol, ajudando a ter mais durabilidade, podem servir de divisórias para a separação de um espaço, tem a função de controlar a luminosidade do ambiente , ajudando a clarear ou escurecer, e também auxiliam no controle da ventilação. E claro, proporcionam uma gostosa sensação de privacidade e intimidade.

Existem variados tipos de tecidos adequados para cada tipo de ambiente, como: O cetim, voil, brim, seda, algodão, linho, gaze, shantung, são alguns deles. É possível encontrar estampas e padronagens infinitas. Antes de  iniciar a decoração, analise bem o ambiente e defina o melhor  estilo de cortinas que atendam a necessidade de cada espaço. Sendo assim, certamente trará o efeito desejado.

Cetim

Para quem gosta de manter o ambiente da sala de estar com a luz natural, o ideal é optar por cortinas com comprimentos longos e em tecidos bem leves e fluidos. Esta cortina em Voil, é uma boa escolha, se a preferência é deixar que a claridade entre totalmente no ambiente. Com este tecido transparente é possível manter toda a iluminação ao longo de um dia ensolarado.

 A cortina em tecido mais pesado e marcante como o veludo azul escuro, imprime ousadia na decoração ao ambiente, além disso, esse tipo de tecido ajudar a abafar o calor, e fazem o efeito contrário em tempos mais frios. Neste cômodo no estilo clássico europeu, ele se encaixa perfeitamente. A cortina se transforma em um pano de fundo, criando um cenário irreverenterelembrando as cortinas das salas de espetáculo do século passado. Essa combinação alia de funcionalidade, estilo e conforto, incorporando bastante personalidade ao espaço.